sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Por Aquelas que falaram l

Em Homenagem a Olympe de Gouges

Mulher, desperta-te; a força da razão se faz escutar em todo o universo; reconhece teus direitos. O poderoso império da natureza não está mais envolto de preconceitos, de fanatismo, de supertisção e de mentiras. A bandeira da verdade dissipou todas as nuvens da tolice e da usurpação. O homem escravo multiplicou suas forças e teve necessidade de recorrer às tuas, para romper os seus ferros. Tornando-se livre, tornou-se injusto em relação a sua companheira.
Oh mulheres.
Declaração dos Direitos da Mulher e da Cidadã

Nenhum comentário: