domingo, 21 de abril de 2013

IHAC CELEBRA A FORMATURA DE 300 ALUNOS NA REITORIA DA UFBA.

" Foi uma conquista de toda a comunidade do IHAC". Sérgio Farias, diretor.

 O ato solene que marca a finalização do Curso de Graduação tem significados variados, para as diversas pessoas. Para alguns, trata-se de um rito de passagem, ou de uma comemoração de algo alcançado com dedicação e às vezes com grande esforço. Como se sabe, dentre os que ingressaram há três ou quatro anos, alguns não conseguiram vencer os desafios e não chegaram até o final.
A Formatura é, portanto, um encontro do concluinte do curso com a sua comunidade expandida, isto é, com seus colegas, com os amigos e os familiares de cada integrante da turma, num ambiente altamente simbólico: Reitoria.Nos dias e noites de nossas formaturas, a figura dos Bacharelados Interdisciplinares marca presença na sede Central da Instituição. Para nosso trabalho, de afirmação de uma re-estruturação curricular voltada para uma formação multi-inter-transdisciplinar na UFBA, a visibilidade dos resultados é muito importante.
Teremos este ano cerca de 300 diplomados. No ano passado foram 208. Estamos conseguindo formar pessoas em novas bases, e todos nós sabemos que não tem sido fácil.Assim como no ano passado, os que desejarem terão suas vagas garantidas em Cursos de Progressão Linear, com direito a seis opções, para o caso de haver necessidade de seleção, o que pode ocorrer para alguns cursos. Com esse diploma de B.I. em mãos, todos podem também buscar uma pós-graduação.

Isso precisa ser dito em alto e bom som. Foi uma conquista de toda a comunidade do IHAC. A formatura "sem solenidade", numa sala comum do Campus, na presença do Coordenador, acaba sendo a expressão acanhada de quem talvez não tenha percebido a necessidade e a importância da presença, num processo acadêmico e político de ocupação de espaços.
A solenidade de formatura, emocionante, em geral, não precisa ter pompa e luxo. Ela pode e deve ser uma cerimônia simples, marcante, porém com poucos gastos. Isso é fundamental para que todos possam participar, dentro de suas possibilidades financeiras. As festas, particulares ou em grupos, se houverem, em separado, podem ser do jeito que cada um desejar.
A organização do evento por uma comissão, dispensando a contratação de empresas especializadas, torna certamente a cerimônia mais acolhedora e mais vivenciada pela turma.
Ser menos tradicional e mais dinâmica, depende dos que a realizam.
Sérgio Farias
Diretor – IHAC


Solenidade : 22 de abril de 2013
Local: Reitoria da UFBA, Salvador, Bahia
Evento para convidados.







Visitem:

Nenhum comentário: